© 2015 - 2018 por Liga das Garotas Mágicas

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle

Entrevista com Autumn Burchett

Monday, March 18, 2019

Nosso querido jogo está continuamente se renovando e com o Magic Arena temos uma nova era se aproximando trazendo novos jogadores para a comunidade e algumas mudanças nas dinâmicas de torneio como conhecemos.

A Liga das Garotas Mágicas trabalha para que todos os jogadores tenham ambientes de jogos saudáveis e ficamos muito orgulhosas de conseguir uma entrevista com Autumn Burchett que esclarecerá muitas dúvidas que a comunidade brasileira apresenta, assim como mostrar mais uma vez como representatividade importa.

 

 

LGM: Quando você começou a jogar Magic?

Autumn: Eu comecei a jogar Magic em 2013, com Dragon's Maze

 

LGM: Qual seu deck favorito?

Autumn: Eu realmente AMO Grixis Delver no Legacy, quando tinha todas as cartas fortes como Deathrite Shaman e Gitaxian Probe.

 

LGM: Qual seu formato favorito

Autumn: O Standard é o meu formato favorito, quando está numa forma boa, e legacy é sempre ótimo.

 

LGM: Qual seu objetivo após ganhar o primeiro Mythic Championship?

Autumn: Continuar jogando para ser o meu melhor e ser um bom exemplo para todos. E também vou começar a escrever artigos regularmente, o que me deixou bastante contente. Eu gostaria de tentar entrar na MPL mas parece que isso deve ser bem desafiador!!!

 

LGM: Você pretende vir ao Brasil?

Autumn: Nenhum plano no momento de ir até o Brasil.

 

LGM: Qual seu conselho para quem quer jogar competitivamente?

Autumn: Se importar mais com a melhoria do jogo e jogar melhor, e não resultados. Os resultados virão do aprimoramento.

Divirta-se! Você está jogando esse jogo para se divertir. Não se estresse ou deixe-se chatear sobre cada erro que acontece, leva tempo para ficar bom e paciência é algo que você tem que ter com você mesmo para chegar lá!

 

LGM: Qual foi a situação mais desconfortável que passou no jogo e percebeu que era por ela ser não binária?

Autumn: Muitas situações desconfortáveis aconteceram comigo por conta daspessoas me verem como mulher. Antes de ser conhecida, as pessoasassumiam que eu era ruim no jogo ou dizendo que era a primeira vez queperdiam para uma mulher.Eu tenho muita sorte de ser quem eu sou, pois, durante o tempo em que mereconheci como não binário, diminuiu a quantidade de situaçõesdesconfortáveis, apesar de algumas pessoas ainda se mostrarem confusas ouestranhas comigo de uma forma que me entristece.

 

 

 

LGM: Nas suas respostas para o perfil para a página oficial do coverage respondeu que sua planeswalker ‘ajudante’ no TOP8 seria a ‘Narset porque representatividade importa’.Gostaríamos que você explicasse o que a Narset representa para você e por que a representatividade importa para a comunidade.

Autumn: A Narset foi dada como autista na sua história, e os autores confirmaram que isso foi intencional, sendo autista como sou, ver alguém como eu no jogo significou muito! Eu via muito de mim na forma em como ela foi descrita e me senti presente e notável depois disso.

Representação é muito importante, pois faz as pessoas se sentirem menos solitárias, menos fora do lugar e faz a comunidade como um todo mais receptiva. 

 

 

LGM: Estamos muito felizes pela sua conquista e acompanhamos cada minuto. Durante sua entrevista com o BDM quando o mesmo pergunta como você se sente em representar jogadorxs até então invisíveis lhe faltaram palavras, foi muito emocionante assistir.Agora pode dizer como se sente ao abrir um mundo de possibilidades para muitos jogadorxs que irão se espelhar em você?

Autumn: Eu recebi muitas mensagens de pessoas dizendo que se sentiram inspiradas pela minha vitória, e que se sentiram mais dispostas a jogar nas suas regiões por conta disso, eu chorei muito lendo essas mensagens. Eu quero muito que a comunidade de Magic seja mais receptiva e diversa, e qualquer coisa que leve a isso, significa muito para mim.

 

LGM: BONUS - Alguns jogadores brasileiros repararam que durante o momento de apresentação do TOP8 o jogador Reid Duke tenta cumprimentá-la quando você se aproxima e não houve a correspondência, isso aconteceu pelo nervoso do momento ou teve alguma outra razão?

Autumn: Sinceramente, eu não vi quando Reid estendeu a mão. Eu estava tãofora de mim, com a excitação de ter feito top8, que eu simplesmente não vi amão dele lá. Eu tenho um grande respeito por Reid e, com certeza, teriaapertado a mão dele se eu tivesse visto.

 

 

Tradução por Julio De Biasi

Please reload

Posts Recentes

November 12, 2018

September 9, 2018

August 20, 2018

Please reload

Arquivo
Please reload

Procure por Tags
Siga Nossas Redes
  • Facebook Basic Square
  • Instagram Social Icon
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now