Economizando com Tiny Leaders

Thursday, November 19, 2015

 

Ola, Cardgamers!

 

Eu sou uma jogadora casual e, apesar de gostar quando meus decks funcionam e vençam, essa nunca foi a prioridade, eu jogo pra me divertir. E uma das coisas que mais me atraem são cartas baratas, porque quando pago barato num deck, posso  fazer mais decks, e assim, jogar mais e me divertir mais <3

 

 

Hoje falarei sobre Tiny Leaders, um novo formato de Magic, criado por canadenses em 2013, que está bombando no mundo todo.

 

 

O formato é como um mini-EDH(Commander): você possui seu comandante - que deve ser uma criatura lendária, o deck deve respeitar a identidade de cores dele (ex.: Se seu comandante for verde e vermelho, você só poderá usar cartas dessas cores e/ou incolores. Se o comandante contiver símbolos de mana de outras cores que a dele, essas também contam como identidade de cor - como no caso da Alesha que é vermelha, mas possui branco e preto em seu texto) e só pode-se utilizar uma cópia de cada carta (a menos que seja terreno básico).

 


O comandante fica numa área separada do deck, chamada “Zona de Comando” e pode ser invocado assim que você possuir a mana necessária. Quando o comandante morrer, você pode fazê-lo voltar pra essa zona em vez do cemitério pra invoca-lo de novo, mas ai ele custara 2 manas incolores a mais por cada vez que ele voltar pra zona.

 

 

As diferenças básicas são:
– 49 cartas no deck + comandante (diferente dos 99 + comandante do EDH)
– 25 pontos de vida
– As cartas tem custo de mana de 3 ou menor (daí o nome TINYLeaders)

O custo de mana limita nossa escolha de cartas, mas não é um grande empecilho, as vezes até ajuda a direcionar a construção do deck.

 


Eu gosto muito de decks tribais e meu bloco favorito do Magic é Lorwyn. E achei no Tiny Leaders um jeito fácil e barato de fazer meus tribais. 

 

 

Vamos pegar um exemplo: Goblins.

 

Primeiro: escolher um comandante. Temos somente 6 opções:
– 
Ishi-Ishi (mono red, anti spirit/arcane)
– 
Slobad (mono red, protege artefatos)
– 
Squee (mono red, volta pra mão se estiver no cemitério, mas não faz muito sentido com a Zona de Comando)
– 
Tuk-Tuk (mono red, gera token 5/5)
 Zo-zu (mono red, anti-aterragem)
– 
Grenzo (preto e vermelho, reanimar)

 

 

 

Você pode escolher seu comandante dependendo do estilo de jogo que mais gostar. Tuk-Tuk é um bom comandante e o deck mono red ajuda a não ter problemas com colorfixing e assim baratear sua base de mana. Mas Grenzo também é bom por adicionar mana preta ao deck e, assim, mais opções de goblins como Titia Louca e Bruxa da Falange.

 

 

“Mas Akei, nesse formato dominam as mesmas cartas metagame de Modern e Legacy como Tarmogoyf, como isso pode ser barato?”

 

Pois bem, o deck é pequeno, só isso já significa economia. Um terço do deck são terrenos que você provavelmente já possui, então temos de 30 a 35 cartas pra arrumar.


Decks tribais são legais por terem sinergia entre elas e essas cartas serem baratas. Um deck de goblin RB pode conter 3 lords diferentes (Rei dos GoblinsChefe Goblin e Titia Louca, dando +3/+3, travessia de montanha, ímpeto e regeneração pros seus goblins) e muitas cartas de utilidades (como Guerrilheiro Goblin,Prospector de Skirk e Investida Goblin).

 

 

Algumas cartas podem ser um pouco mais caras, custando 5, 10, 50 reais; mas o fato de só poder colocar uma cópia de cada também diminui o orçamento. Talvez você até já tenha algumas staples na sua coleção, por ex.: Se você joga de vermelho, a chance de ter um Raio ou um Sangue Abrasador é grande. Então use as cartas que você já possui, não há nada mais econômico do que isso!

 


Nenhum deck já sai 100% pronto, sempre vai precisar de testes, então monte uma base com as cartas que você já tem e depois vá melhorando ele. Garanto que você vai se divertir bastante nesse processo também.

 

Dai tem a questão dos shields (ou protetores). Normalmente os pacotes vem em 50 unidades, então num deck normal de 60 cartas ou um EDH, você precisaria de 2 pacotes, mas com Tiny Leaders, só um pacote basta. Você economiza até nisso!

 

Eu estou totalmente viciada em Tiny Leaders.
Já montei 8 decks diferentes onde 2 deles tem o mesmo comandante e 3 deles tem as mesmas staples ou base de mana (Porque adoro jogar de vermelho e verde).


A média de preço por deck está em 50 reais (contando shields). Alguns estão fortes a ponto de ficar em top 8 no campeonato, mas em termos de diversão é 100% garantido.

 

 

Eu sugeri Tiny Leaders, mas muitas dicas que dei hoje podem (e devem!) ser usado pra outros formatos. 


Teste com proxies antes de sair comprando cartas caras.

 

E não se esqueça de se divertir, afinal é um jogo!

 

Bezzos e até a próxima ;3

Please reload

Posts Recentes

November 12, 2018

September 9, 2018

August 20, 2018

Please reload

Arquivo
Please reload

Procure por Tags
Siga Nossas Redes
  • Facebook Basic Square
  • Instagram Social Icon

© 2015 - 2018 por Liga das Garotas Mágicas

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now